Adeus, olheiras! Conheça os 4 tipos e saiba como tratar

Áreas escuras ao redor dos olhos são causa de muito incômodo entre mulheres e homens. Sejam azuladas, amarronzadas ou avermelhadas, as olheiras são divididas entre quatro tipos e é importante saber em qual se encaixa a sua para começar um tratamentos.

Se você sofre com as olheiras, fique atento para descobrir qual é a sua e como minimizá-la, evitá-la e tratá-la!

Quais os tipos de olheiras?

O dermatologista é o profissional mais indicado para diagnosticar qual é a real causa da sua olheira e o modo mais adequado de tratá-la. Mas, de modo geral, podemos dizer que existem quatro tipos de olheiras:

  1. Olheiras pigmentares ou melânicas: amarronzadas, são causadas pela hiperprodução de melanina na região dos olhos;
  2. Olheiras vasculares ou sanguíneas: normalmente azuladas, avermelhadas ou arroxeadas, podem ser causadas por má circulação nos vasos próximos ao globo ocular, retenção de líquidos ou mesmo por noites mal dormidas, cansaço e estresse;
  3. Olheiras profundas ou estruturais: acastanhadas, aparecem em pessoas cuja cavidade do globo ocular é mais profunda;
  4. Olheiras mistas: bastante comum, é quando as olheiras tem características e são causadas por mais de um motivo dos citados nos tópicos anteriores.

Quais as causas das olheiras?

Já falamos um pouco no tópico anterior sobre quais as causas das olheiras, mas existem ainda outros fatores que podem influenciar as olheiras, tornando-as mais marcadas e aparentes. Dentre eles, podemos citar:

  • Cansaço;
  • Choro;
  • Coçar os olhos excessivamente;
  • Consumo excessivo de bebidas alcoólicas;
  • Desidratação;
  • Doenças respiratórias;
  • Envelhecimento;
  • Estresse;
  • Exposição solar excessiva;
  • Hereditariedade;
  • Não remoção de maquiagem;
  • Sono acumulado;
  • Tabagismo;
  • TPM.

E é importante destacar que as olheiras são, em grande parte, determinadas por genética. Então, se os seus pais e/ou avós têm, você possivelmente também vai ter. Mas não se desespere! Existem opções de tratamento para olheiras.

Como eliminar as olheiras?

A partir da nossa breve explicação sobre quais os tipos de olheiras e suas causas, você possivelmente tem uma pista ou identificou o seu. Mas ainda resta a principal dúvida: como diminuir olheiras? Ou, ainda melhor, como eliminar as olheiras?

Você possivelmente já conhece ou ouviu falar de vários tratamentos para olheiras e, é verdade, existem muitos. Há uma imensa variedade de produtos para olheiras e procedimentos, como preenchimento, peelings, laser… Então como saber qual é o mais indicado para o seu caso?

A melhor forma de saber como “tirar” suas olheiras é se consultando com um dermatologista, até porque vários desses tratamentos devem ser feitos com um profissional da área. Para te dar uma ideia das suas opções, explicaremos a seguir quais são as recomendações para cada tipo de olheira.

Olheiras pigmentares ou melânicas

Como essas olheiras são causadas pelo excesso de produção de melanina na região dos olhos, para tratá-las recomendamos:

  • Usar complexos despigmentadores/clareadores, que ajudam a tirar o aspecto escuro causado pela pigmentação;
  • Usar protetor solar na área dos olhos para prevenir a volta deste problema.

Para as olheiras pigmentares ou melânicas, procure pelos seguintes componentes no seu creme para olheiras: arbutin, hidroquinona, mequinol, niacinamida, retinol e vitamina C. Dependendo do caso, pode ser recomendado ainda tratamento com peeling e laser.

Olheiras vasculares ou sanguíneas

Com pigmentação vermelha ou roxa, essas olheiras são causadas pela má circulação na região ocular ou devido à pele ser muito fina e clara, propiciando a visualização dos vasinhos de sangue. Para minimizar esse tipo de olheira, você pode recorrer a dois tipos de tratamento:

  • Um que estimule a circulação do sangue, fazendo com que a região fique mais oxigenada e, consequentemente, mais clara;
  • Outro que aumente a espessura da pele e a afaste dos vasinhos, diminuindo sua “transparência”.

Os princípios ativos que garantem esses resultados são, respectivamente a cafeína e o ácido hialurônico. A cafeína é responsável pelo estímulo à circulação e o ácido hialurônico estimula a produção de colágeno, que é responsável pela firmeza da derme.

Para as olheiras vasculares ou sanguíneas, recomendamos cremes para olheiras com arnica, castanha da Índia, extrato de tangerina, ginkgo biloba, guaraná, peptídeos, rutina e vitamina K. Podem ser indicados também, dependendo do caso, tratamento com luz pulsada, lasers, drenagem linfática e até cirurgia para retirada de bolsas.

Olheiras profundas ou estruturais

Para quem tem o globo ocular mais profundo, algumas opções de tratamento para olheiras são dermocosméticos de ação densificadora e preenchimento com ácido hialurônico.

Olheiras mistas

Para olheiras mistas, o mais recomendado é, realmente, procurar um médico, pois o tratamento deverá ser personalizado.

Como prevenir as olheiras?

Como já dissemos, há uma questão de predisposição genética para as olheiras, mas alguns hábitos podem diminuir ou até mesmo evitar o aparecimento delas. Com eles, seu orçamento destinado para produtos para olheiras pode diminuir drasticamente:

  • Dormir de 7 a 8 horas por noite;
  • Reduzir o consumo de sal;
  • Reduzir o consumo de bebidas alcoólicas;
  • Hidratar a região dos olhos;
  • Usar protetor solar;
  • Não fumar;
  • Evitar coçar os olhos;
  • Retirar a maquiagem sempre antes de dormir.

Como diminuir as olheiras?

Caso você esteja com marcas ao redor dos olhos e esteja procurando alguns truques caseiros de como diminuir olheiras, nós temos algumas dicas:

  • Compressa de água fria: estimula a vasoconstrição na região;
  • Sachês de chá de camomila gelados: estimula a vasoconstrição e melhora a circulação;
  • Rodelas geladas de pepino: um clássico! Segue o mesmo princípio dos sachês de chá de camomila;
  • Massagens localizadas: ajudam a diminuir o inchaço e a estimular a circulação.

Como disfarçar as olheiras?

Outra boa dica para quem quer saber como diminuir olheiras — ou pelo menos como disfarçá-las — é o uso de corretivos iluminadores. Mais do que o corretivo comum, que apenas cobre os círculos escuros, o corretivo iluminador ilumina e dá aquele ar descansado de quem jamais sofreu uma insônia na vida.

E nós temos algumas indicações para você:

descubra como tratar as olheiras

Qual é o melhor creme para olheiras?

Depois de descobrir quais as causas das olheiras, quais os tipos de olheiras e conhecer algumas dicas de hábitos, tratamentos e produtos para olheiras, você já está expert no assunto. Falta só uma questão: qual é o melhor creme para olheiras?

Nós temos alguns queridinhos e vamos listá-los aqui:

Além desses cremes e géis, temos também algumas máscara de tratamento para olheiras para recomendar: Máscara para Olhos Whitening Dermal e Máscara para Olhos Sephora Collection Fiber Mask Eyes.

Por fim, mais uma super dica de como eliminar olheiras: aparelhos de massagem ultrassônica. O Aparelho Massageador para Olhos Iris Foreo ajuda a evitar os sinais de fadiga e do envelhecimento, trazendo mais firmeza e luminosidade para a pele.

Gostou? Então confira a nossa seleção especial de produtos anti-olheiras das melhores marcas do mercado. Eles foram desenvolvidos especialmente para combater este problema de forma eficaz.

Compartilhar