Escova de Cabelo: conheça os tipos e descubra qual é a melhor para você

Seja em farmácias, perfumarias ou lojas de produtos de beleza, é quase sempre possível encontrar muitas opções de escova de cabelo. Vários modelos que variam em formato, material das cerdas, da base das cerdas, do cabo… E, para não acabar começando uma coleção involuntária, é importante saber qual é a melhor.

A escova para cabelo deve ser escolhida de acordo com as características do seu cabelo, como espessura, textura e comprimento. É muito importante levar tudo isso em conta para não acabar com o cabelo danificado e, claro, para chegar ao seu objetivo, seja ele desembaraçar, fazer uma escova ou modelar.

2 formatos de escova de cabelo

Existem basicamente dois formatos de escova de cabelo: raquete e redonda ou cilíndrica. Descubra as diferenças entre elas e comece a descobrir qual é a melhor escova para escovar os cabelos e para os demais possíveis objetivos.

Raquete

As escovas para cabelo raquete são aquelas planas, com cerdas apenas de um lado e, geralmente, com cabo. Elas são indicadas para pentear e desembaraçar e podem ser usadas por todos tipos de cabelo, mas são recomendadas principalmente para os lisos e longos.

Esse tipo de escova é uma boa opção para cabelos e couros cabeludos sensíveis, pois o espaçamento entre as cerdas permite desembaraçar sem puxar e quebrar os fios. Se usada com secador, a escova raquete deixa um resultado de cabelo alinhado.

Cilíndrica

A escova de cabelo cilíndrica ou redonda é aquela que tem cerdas em todo o diâmetro. Ela é indicada para alisar, modelar, fazer penteados, mas não para desembaraçar.

Com o secador, ela deixa um efeito natural, de movimento, no cabelo. Quanto mais larga a sua escova cilíndrica, mais liso fica o cabelo. As mais fininhas são indicadas para modelar, cachear e finalizar cabelos curtinhos.

Para pessoas que têm cabelos cacheado e crespos, o mais indicado é desembaraçar com os dedos ou com um pente de dentes largos. Porém, podem também optar por usar uma escova raquete com cerdas mais espaçadas, sempre com o cabelo molhado.

5 materiais de cerdas de escova de cabelo

O material das cerdas também influencia na hora de responder qual é a melhor escova para escovar os cabelos, para usar com secador, para modelar… E existem cinco tipos de materiais de cerdas de escova para cabelo: naturais, de nylon, mistas, de plástico e de madeira.

Cerdas naturais

Feitas com pelos de animais, as cerdas naturais ajudam a controlar volume, frizz e oleosidade. Elas são indicadas para modelar os fios, mas não para desembaraçar. Resistentes ao calor, essas cerdas deixam o cabelo mais brilhoso e liso se usadas para secá-lo com o secador.

As cerdas naturais são ideais para cabelos finos e quebradiços, pois são mais macias, diminuindo a possibilidade de quebra durante a escovação, e são também indicadas para cabelos ondulados e cacheados, pois aderem melhor aos fios.

Cerdas de nylon

As cerdas de nylon são resistentes e flexíveis e são indicadas para desembaraçar e escovar. Elas podem ser usada por todos os cabelos, mas são recomendadas principalmente para cabelos longos e lisos.

Se usada com secador, a escova de cerdas de nylon deixa o cabelo menos brilhoso e controla menos a estática do que uma de cerdas naturais. Para ter um resultado melhor, com menos frizz, prefira as cerdas de nylon ionizadas ou antiestáticas.

Cerdas mistas

Uma escova de pentear cabelo com cerdas mistas é aquela que tem cerdas naturais e sintéticas. Esse tipo de escova une a durabilidade do sintético com a maciez do natural, proporcionando maior tração.

As cerdas mistas são indicadas para alisar cabelos ondulados e crespos, pois “seguram” melhor o cabelo durante a escovação. Elas são também recomendadas para fios grossos.

Cerdas de plástico

As escovas para cabelo com cerdas de plástico são bem comuns. Elas desembaraçam bem, estando o cabelo molhado ou seco, e são mais indicadas para cabelos lisos e finos.

A marca Tangle Teezer ficou super conhecida nos últimos anos com suas escovas de polipropileno. Com cerdas em duas camadas, a escova de cabelo Tangle Teezer garante um desembaraçar tranquilo, evitando a quebra, enquanto o couro cabeludo é massageado, ativando a circulação na região.

Alguns modelos de escova de cabelo Tangle Teezer preferidos dos clientes da Sephora são:

Cerdas de madeira

Para quem procura escova para cabelo cacheado, as de cerdas de madeiro são as mais recomendadas. Elas diminuem o frizz, desembaraçam mais facilmente e têm alta durabilidade.

3 materiais do corpo da escova de cabelo

Outro ponto que influencia no momento de definir qual é a melhor escova para escovar os cabelos é o material do corpo ou da base da escova. O corpo ou base é aquela parte da escova onde ficam as cerdas, por onde o cabelo passa.

O cabo, ou seja, a parte que seguramos, muitas vezes, é emborrachado ou de um material diferente do corpo e não é tão relevante, mas o material do corpo é importante. Descubra a seguir o por quê.

Escova de cabelo de cerâmica

As escovas de cerâmica ou escovas térmicas são feitas para manter o calor do secador nos fios. Elas, que até pouco tempo eram vistas como um tipo de escova de cabelo profissional, são indicadas para alisar e modelar.

Esse tipo de escova para cabelo faz com que o liso dure mais e são normalmente encontradas no formato cilíndrico ou redondo. Porém, é importante ter em mente que a escova de cerâmica deve ser evitada por quem tem fios frágeis ou quimicamente tratados, pois pode acabar danificando-os mais. Ela é indicada para cabelos ondulados a lisos.

Escova de cabelo de metal

As escovas para cabelo de metal são as que mais armazenam calor, por isso é muito importante ter cuidado ao utilizá-las. Elas são mais indicadas para finalizar, não tanto para secar, pois esquentam muito e podem machucar o couro cabeludo e os fios.

Escova de cabelo de madeira

A escova de pentear cabelo de madeira não retém calor, mas reduz a estática, diminuindo o frizz. E ela deve ficar sempre seca para evitar a proliferação de fungos.

Outras características da escova de cabelo

Até agora, você já conheceu os principais formatos, materiais de cerdas e do corpo da escova e já entendeu para que serve cada tipo de escova de cabelo. Mas existem algumas outras características das escovas que você também pode levar em conta quando for escolher a sua.

Escova de cabelo ventilada ou vazada

As escovas ventiladas ou vazadas são aquelas que têm frestas na estrutura onde ficam as cerdas. Elas são ideais para desembaraçar cabelos molhados e úmidos, até durante o banho, e para espalhar máscaras, pois não acumulam água. Se usadas com secador, as escovas de cabelo ventiladas podem reduzir o tempo de secagem, já que o ar passa pelas frestas.

Escova de cabelo almofadada

A escova de cabelo almofadada é indicada para cabelos longos e lisos ou levemente ondulados. Ela pode ser usada com secador, dando um efeito de escova modelada, mas o resultado final não é tão liso. Para pentear, ela garante um super conforto, mas deve ser usada apenas nos cabelos secos.

Escova mais larga ou mais fina?

Uma questão ao escolher uma escolha cilíndrica ou redonda é o diâmetro dela. Você deve escolher de acordo com o tamanho do seu cabelo e também do visual que quer. Como já dissemos, as mais largas deixam o cabelo mais liso, enquanto as mais finas são ótimas para fazer cachos.

Já quanto ao tamanho do cabelo, siga essa recomendação:

  • Cabelo fino/curto: escova com diâmetro menor do que 45mm;
  • Cabelo médio: escova com diâmetro entre 45mm e 55mm;
  • Cabelo grosso/longo: escova com diâmetro acima de 55mm.

Como higienizar a escova de cabelo?

Além de saber como escolher, é essencial saber também como higienizar a escova de cabelo. Primeiramente, vamos combinar uma coisa: nunca use a escova de outras pessoas, ok? Ela pode levar piolho e até doenças do couro cabeludo para a sua cabeça, então evite.

Agora vamos às dicas de como higienizar a escova de cabelo:

  1. Limpe uma vez por semana, colocando debaixo da água corrente e use um sabão neutro, esfregando com um pincel macio ou uma escovinha apropriada;
  2. Se estiver com sujeira impregnada, deixe de molho em uma mistura de água e sabão neutro por 15 a 30 minutos;
  3. Sempre deixe secar naturalmente em um local ventilado, depois borrife álcool 70 e espere secar novamente;
  4. Se a base da escova de cabelo for metálica, seque para não enferrujar;
  5. Se a base for de cerâmica, use um pano úmido e sabão neutro;
  6. Se a escova de cabelo for ionizada ou almofadada, não deixe de molho e use um pano para ajudar a secar.

Gostou das dicas? Esperamos que sim. Se quiser ler mais sobre cuidados com o cabelo, nós temos vários textos aqui no blog da Sephora que podem te ajudar!

Compartilhar